Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Nova Rubrica: As Minhas Sugestões

por Tânia Breda, em 28.07.15

large.jpg

É a partir de hoje que pode encontrar no Chuva de Letras uma nova rubrica !


Todos os leitores são diferentes. Eu sempre separei as minhas leituras de maneira distinta.

Tudo o que sejam livros com cenários passados em clima frio, gosto de os ler no Outono e Inverno. Já tudo o que se relaciona com flores, mar, barcos, tempo quente, gosto de fazê-lo na Primavera e Verão.

Uma das leituras que mais gostei de fazer o ano passado foi ler Viagem ao Fim do Coração de Ana Casaca. Porquê? Classifiquei-o com um 4 (Bom). Foi lido no Verão, num piquenique e rodeada de um cenário real cheio de flores e cheiro a eucalipto. O cenário do livro com o cenário real onde o lia, fez-me envolver ainda mais na história. Trata-se de um bom livro e aliando tudo o que mencionei acima, fez-me adorar a leitura. Desta forma, sinto-me mais envolvida em cada história, em cada livro, em cada frase. 

 

Não importa se a escolha recair em livros antigos ou novidades. O que interessa são as excelentes horas de leituras que o livro pode proporcionar, por isso, se quiser conhecer "As Minhas Sugestões" de leitura, visite neste separador o Chuva de Letras semanalmente ;)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


«Erebos» - Ursula Poznanski [Opinião]

por Tânia Breda, em 28.07.15

01220121_Erebos_201504071736.jpg

Título: Erebos

Autor: Ursula Poznanski

Editora: Editorial Presença

Edição de: Abril de 2015

Páginas: 384

PVP: 17,90€

 

Foi automático. Sou fã de jogos de computador e, assim que li pela primeira vez a sinopse do livro Erebos despertou a minha atenção. 

Sei que Erebos na mitologia grega é a personificação da escuridão, o criador das Trevas, logo toda a história prometia boas horas de leitura...

 

Começo por dizer-vos que não terminei esta leitura. Desta vez decidi apostar num livro young adult, mas achei-o em demasia, considero-o infantil. Fiquei a meio da história, ainda assim do que li, a história é bastante original e cheia de suspense, exactamente como o jogo que começa a ser distribuido na escola de Nick Drumond.
O problema é mesmo nas atitudes de algumas das personagens do livro, considero-as imaturas, irritaram-me e fizeram-me desistir da leitura. Também logo ao inicio, os leitores vão se deparar com várias repetições da narrativa o que irá tornar-se bastante maçador. Apesar disso, mesmo não tendo terminado, classifico esta leitura como um 3 e considero este livro uma boa leitura para os leitores mais jovens devido ao enredo com muito potencial!

 

Tudo começa com um ambiente escolar estranho em que começam a desaparecer computadores das salas de aulas e alunos às aulas, um deles é o melhor amigo de Nick. Este não atende as suas chamadas e, nem aparece sequer aos treinos que tanto adora! Nick tenta perceber o que se passa e entregam-lhe um CD em branco que apenas diz Erebos. Informam-no que se trata de um jogo, que não comente com ninguém e que existem regras. Uma dessas regras é jogar sempre sozinho.

Erebos é um jogo viciante, fantástico, que tira o sono a qualquer jogador mas, bastante diferente. Ele sabe quem és, cada passo que dás, com quem falas e os teus pensamentos.

Para se subir de nível tem de se realizar missões, mas na vida real. Se falhar a missão, Erebos sabe. Se for bem sucedida, Erebos também irá saber.

Preparado?

 

Para mais informações sobre este livro consulte o site da Editorial Presença aqui.

 

 

Sinopse

Numa escola de Londres um misterioso e viciante jogo de computador circula entre os estudantes, mas ninguém fala disso abertamente. 


As regras do jogo são extremamente rígidas. Cada jogador tem apenas uma oportunidade e se perder nunca mais pode entrar no jogo; deve estar sempre sozinho e não pode falar a ninguém sobre o seu jogo. Quem violar estas instruções é também eliminado. O jogo é inteligente e interage com o jogador como se o vigiasse constantemente. As missões atribuídas devem ser concretizadas no mundo real.

 

Quando Nick Dunmore começa a jogar, sente-se de imediato absorvido, aprende as regras e avança rapidamente; contudo, vê-se forçado a questionar as implicações deste jogo perigoso. Qual o verdadeiro objetivo? E que segredo esconde? Um livro que os apreciadores de fantasia, jogos de computador, lendas urbanas, distopias, não devem perder.

 

Classificação: 3/7

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

1.jpg

Título: Mais do Que Sedução

Autora: Cheryl Holt

Editora: Quinta Essência

Páginas: 368

PVP: 15,90€

Data de Lançamento: 25 de Agosto de 2015

 

Stephen achou ter atingido o ponto mais baixo da sua vida quando a guerra o deixou inválido. Descobriu que estava errado quando a irmã o deixa aos cuidados encantadora Mrs. Anne Smythe. No entanto, enquanto as águas curativas fazem a sua magia, o mesmo acontece à viúva Smythe. Por baixo do seu exterior impávido encontra-se uma mulher fascinante: calorosa, espirituosa e refrescantemente aberta à experimentação sensual. Porém, quando o prazer se transforma em amor proibido, poderão eles podem enganar as forças que querem afastá-los?

 

As Termas e o Empório de Banhos para Senhoras de Mrs Anne Smythe é um paraíso para as mulheres elegantes que acreditam que as águas têm propriedades afrodisíacas. No entanto, a séria proprietária nunca pensa em testar essa teoria - até o capitão Stephen Chamberlin, gravemente ferido, ser deixado à sua porta. Cada minuto que o herói de guerra passa sob o seu teto é motivo de escândalo. Não tarda muito para que ela descubra que ter um homem assim à sua mercê a desperta de maneiras que nunca tinha pensado possíveis, à medida que as suas sessões «terapêuticas» nas nascentes de água quente se transformam em encontros picantes que Anne gostaria que nunca terminassem...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

11760295_410164462520814_8681273314771503514_n.jpg

 Título: Por Favor, Perdoa-me

Autora: Melissa Hill

Editora: Quinta Essência

Páginas: 384

PVP: 16,50€

Data de Lançamento: 28 de Agosto de 2015

 

Leonie estava apaixonada e noiva, mas decidiu fugir da sua antiga vida em Dublin para começar de novo - algures onde ninguém a conheça nem ao segredo de que ela foge. Ao instalar-se no seu novo apartamento encontra por acaso um maço de cartas de amor, todas escritas por um homem chamado Nathan e dirigidas a uma mulher desconhecida. Todas as cartas terminam de forma intrigante com as mesmas três palavras: «Por favor, perdoa-me».
Comovida com as palavras sinceras de Nathan, Leonie propõe-se a desvendar o mistério do casal e do que lhes correu mal. Se entregar as cartas à legítima proprietária, poderá o amor da vida de Nathan conseguir perdoar-lhe? E durante o processo talvez Leonie consiga também perdoar ela própria algumas coisas…

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Os Momentos Wook estão de volta!

por Tânia Breda, em 27.07.15

É já amanhã que a Wook terá à escolha dos leitores mais de 8 milhões de livros com 20% de desconto e portes grátis!
Esta campanha de incentivo à leitura e promoção do livro é válida apenas no dia 28 de Julho de 2015, exceto em livros escolares, técnicos e eBooks.

É aproveitar! :)

Aceda já ao site, clicando em cima da imagem! 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


A moda dos livros de colorir para adultos

por Tânia Breda, em 16.07.15

IMG_20150622_113923.jpg

Os livros para colorir para adultos são óptimos! Já há alguns meses que me rendi e estou a adorar esta arte terapia. Se funciona? Funciona mesmo, e este tipo de livro é o que vou levar nas minhas férias.

Na primeira vez que ouvi falar achei uma ideia fantástica! Quem é que nunca coloriu este tipo de livros quando era criança? É realmente uma terapia maravilhosa, relaxante e inspiradora. Quando chega a altura de escolher qual o próximo desenho/padrão a ser pintado, aí é que se torna dificil escolher.

 

Actualmente, o mercado está cheio de livros deste género, o que significa que os leitores têm muito por onde escolher, mas como escolher?

Há livros só de padrões, outros só de flores, outros de animais, é só decidir qual o género que mais vai gostar. Aconselho a adquirir um livro que consiga mantê-lo aberto, isto é, que tenha uma boa lombada de maneira a conseguir pintar e que tenha folhas espessas para que quando pintar quer a caneta, quer a lápis (quando faz mistura de cores, ou carrega mais) não ficar marcado na página anterior ou na página seguinte.

 

Posso contar-vos que estou apaixonada pelos vários livros desta arte terapia da Editorial Presença, as ilustrações são inspiradoras e neste momento estou a colorir  um dos livros desta editora, tem o nome de Arte Terapia para Adultos.

Aproveito também para agradecer à Editorial Presença pelo envio do livro que me tem proporcionado horas de entretenimento e criatividade.

 

E por aí, são fãs como eu deste tipo de terapia? :)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Capa A Defesa.jpg

Título: A Defesa

Autor: Steve Cavanagh

Editora: Topseller

Páginas: 336

PVP: 18,79€

 

Uma confusão nos horários das matrículas desviou, aos 18 anos, Steve Cavanagh do curso de Marketing e Gestão para as aulas de Direito. Inscrever-se no curso errado mudou, provavelmente, o destino do autor irlandês. Proeminente advogado de direito civil, Steve Cavanagh é hoje considerado a nova estrela do thriller jurídico, logrando excelentes críticas com o seu livro de estreia A Defesa, já à venda em todo o país.

 

 

Sinopse

De vigarista a advogado. De bêbedo e mentiroso a pai de família. Quereria este homem ao seu lado para o defender em tribunal?

 

Há mais de um ano que Eddie Flynn prometeu a si mesmo não voltar a entrar numa sala de audiências. Mas agora não tem alternativa. Olek Volchek, o chefe da máfia russa nova-iorquina, quer obrigar Eddie a representá-lo num julgamento por homicídio impossível de vencer.

 

Eddie Flynn tem 31 horas para…

• defender o seu novo cliente da acusação de homicídio;

• resgatar a filha, Amy, de dez anos, raptada pelos criminosos;

• salvar a própria vida, ameaçada pela bomba que traz presa ao casaco.

 

Sob o olhar atento dos media e do FBI, Eddie tem de usar a sua inteligência e todos os truques do passado para defender o seu cliente e garantir a segurança da filha. Com o temporizador da bomba a contar, conseguirá Eddie convencer o júri e salvar a sua vida e a de Amy?

 

 

«Em parte drama judicial ao estilo de John Grisham, em parte filme de super-herói, este é um romance de estreia cheio de ação.» - Irish Independent

«Lê-se como um drama judicial que Lee Child poderia ter escrito… Este é um thriller de ritmo alucinante que arranca a toda a velocidade e não olha para trás até à travagem final, 336 páginas mais à frente.» - Irish Times

 

 

A Topseller disponibiliza os primeiros capítulos para leitura imediata, aqui.

 

SC.jpg

 

Steve Cavanagh nasceu e cresceu em Belfast, na Irlanda do Norte, e aos 18 anos mudou-se para Dublin onde estudou Direito, por engano. A sua decisão era seguir Marketing e Gestão mas uma confusão nos horários das matrículas fê-lo inscrever-se no curso errado.

 

Porém, este poderá ter sido um engano com sentido, já que Steve Cavanagh se tornou um proeminente advogado de direito civil, envolvido em casos de especial relevância. Steve também dá palestras sobre temas legais, mas do que ele gosta mesmo é de contar piadas. A Defesa é o seu romance de estreia, que lhe valeu ser considerado uma Amazon Rising Star em 2015. Saiba mais sobre o autor: www.stevecavanagh.com

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/2




Estou a ler...



Tabela de Classificação:



WOOK - www.wook.pt